Que comece outro ano! - Descrevendo Nuvens
02 • jan • 2015
textos category image
Joicy Kelly

Que comece outro ano!

Olá amores!! Vocês estão preparados pra 2015? Já fizeram suas simpatias e escreveram suas metas? Bom, antes de tudo isso, talvez você precise apenas lembrar que para ter um ano novo de verdade, você precisa ser novo, suas atitudes precisam ser novas, sua mente precisa expandir, e você deve ir atrás dos seus objetivos com a mesma intensidade que você sonha… Escrever metas pra guardar na gaveta não vai tornar seu ano um ano novo, porque vai ser igual todos os outros, mas se levantar pra realizar sim…
 Temos um caderno com 365 páginas em branco, pra escrevermos todos os dias, e cabe a nós decidirmos o que colocaremos lá, se vamos preencher com coisas realmente válidas, ou se vamos deixar páginas em brancos, rascunhos inacabados, folhas rasuradas… Cabe a nós deixar ele enfeitado, colorido, com muitas histórias lindas e intensas ou não… A vida, meu caro, nos da a oportunidade de fazer algo novo a cada dia, não temos o direito de negar isso á nós mesmos, por isso, remende as carreiras do seu destino, e faça do jeito que te convém! Faça do novo, algo realmente novo, faça aprendizado do velho mas mantenha seu foco no que estar por vim, porém sem nunca deixar de lembrar do presente, temos um hoje inteiro pra sermos, não deixe pra ser amanhã, pois o amanhã pode nunca chegar! 
Bom, deixo pra vocês uma poesia do grande Carlos Drummond pra vocês refletirem e começaram um ano novo lindo e cheio de poesia… 

RECEITA DE ANO NOVO
Para você ganhar belíssimo Ano Novo 
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz, 
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido 
(mal vivido talvez ou sem sentido) 
para você ganhar um ano 
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras, 
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser; 
novo 
até no coração das coisas menos percebidas 
(a começar pelo seu interior) 
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota, 
mas com ele se come, se passeia, 
se ama, se compreende, se trabalha, 
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita, 
não precisa expedir nem receber mensagens 
(planta recebe mensagens? 
passa telegramas?) 

Não precisa 
fazer lista de boas intenções 
para arquivá-las na gaveta. 
Não precisa chorar arrependido 
pelas besteiras consumadas 
nem parvamente acreditar 
que por decreto de esperança 
a partir de janeiro as coisas mudem 
e seja tudo claridade, recompensa, 
justiça entre os homens e as nações, 
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal, 
direitos respeitados, começando 
pelo direito augusto de viver. 

Para ganhar um Ano Novo 
que mereça este nome, 
você, meu caro, tem de merecê-lo, 
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil, 
mas tente, experimente, consciente. 
É dentro de você que o Ano Novo 
cochila e espera desde sempre.





Beijo na ponta do nariz, um grande e surpreendente 2015 pra todos!!!  -Joy



Deixar um comentário

Último vídeo

Arquivo calendário

Pinterest

  • 15 modelos de quarto
  • Serendipity - Melina
  • Almofada de pelúcia
  • Dicas para conseguir
  • Interior Designed: B
  • 20-salas-com-sofa-ro
  • Decoração na cor Azu
  • #penteadeira #ideia
  • 1-penteadeiras-que-e
Follow Me on Pinterest

Descrevendo Nuvens - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2017 - Ilustração por Juliana Rabelo