Arquivos Textos - Descrevendo Nuvens
06 • mar • 2018
textos category image
Postado por:

Jess Ribeiro

Jess Ribeiro

Crônicas | Tudo tem a hora certa

Já está quase na hora de dormir já passou da meia noite, e eu medi na minha cabeça que deveria ler novamente o último SMS que você me mandou. Depois de tanto tempo, não entendi muito bem o porquê você me enviou essa mensagem falando que está com saudade.

Abri um longo sorriso bobo. Maldito sorriso! Obviamente eu não vou te responder tão rápido, ou talvez nem te resposta para você não achar que é tão importante! Mas, você é.

Você não imagina a quantidade de vezes que eu já me julguei por ser assim, ou de quanta se vezes eu já tentei entender esse sentimento que para mim é como as estrelas que mesmo que ainda brilhem, porém não existir mais.

Você sempre me prendeu em um labirinto de emoções posso até comparar esse meu sentimento com aquela sensação que temos quando estamos em uma montanha russa – da aquele friozinho na barriga,  mesmo assim ainda é gostoso.

Eu ainda tenho sentimentos por você! Droga…

Sinto saudade do seu cheiro, do jeito em que você me beija e toca minha pele me fazendo querer mais desse seu carinho. Acho que o nome disso é saudade.

Eu queria tanto ficar conversando com você por horas, mas aprendi nessa vida que quando a gente quer algo a mais deveríamos ir bem devagarzinho. Dizem que é para não assustar, não sei.

Acho que no fundo, todo mundo quer se sentir especial. E é assim que eu me sinto com você.

Tags:
15 • jan • 2018
textos category image
Postado por:

Jess Ribeiro

Jess Ribeiro

10 lições que eu aprendi em 2017

Eu sei que o ano já passou de 2017 já passou e que já estamos no dia 15 de janeiro e que esse post demorou demais para sair. Assim, atualmente os posts no blog, estão demorando 8 horas para serem feitos então é aceitável, né? Gente, meu calendário está atualizado e eu já estou me preparando mensalmente para tudo que vai rolar esse ano como: Curso, blog, vida, não vida, coisas externas, falta de dinheiro, trabalho… talvez eu já esteja ficando louca, mas só talvez.

2017 apenar de ter sido um ano muito revelador para mim, foi um daqueles que eu senti meu coração mais apertado (que eu vou falar no outro post para vocês) eu descobri muita coisa, chorei por muita coisa e vi que tudo no final deveria ser assim mesmo. E como se uma voz lá no fundinho do meu coração estivesse falando: Calma Jess, tudo vai dar certo! Lógico que eu não ouvi essa voz e me desesperei. Virginiano né amores, com a gente o que mais rola é: saiu dos trilhos fudeu tudo... deve ter algo a ver com nosso problema de perfeccionismo.

De qualquer forma passou…

2017 foi extremamente importante para mim eu saí totalmente da minha zona de conforto para testar tudo aquilo que eu era capaz. Acredite ou não. Eu trabalhava por 10 horas e saia do trabalho para estudar para o Enem com o descomplica (se quiserem um post só sobre como foi estudar com eles me falem) e eu ainda estava dando um jeito de manter a saúde algo que simplesmente foi bem complicado.

Complicado porque nesse ano eu fiquei muito doente, nunca tinha tirado tanto sangue na minha vida, fiquei com tanto medo de estar mais doente. Passou…
Eu estou aqui viva e bem para e enfrentar e viver tudo. E é isso que importa! Eu ainda não sou a garota forte que eu gostaria de ser, mas eu estou lutando para ser realmente aquilo que eu quero ser, tinha tanto medo. Medo de tudo eu chorava por tudo me sentia incapaz de ser melhor. Até coloquei na minha cabeça que eu deveria fazer uma faculdade que eu não gostava só para fazer.
Para aquela menina que sempre sentiu medo do amor, está amando…

É incrível como as coisas mudam, e continuam mudando. Eu ainda estou com medo, só que eu estou tentando mudar isso aos poucos criando pequenas metas e tentando chegar onde eu quero eu sei que esse medo vai diminuir.

E foi nesse grande processo de aprendizado e de grandes lições de 2017 foi:

1- Pessoas vem e vão:
Não adianta chorar e lutar para manter algo que não é verdadeiro. Digo isso porque durante o ano todo eu fui percebendo que eu não fazia falta quando não precisavam. Eu era a pessoa que chamavam quando estavam mal, mas também era a pessoa que esqueciam quando ficavam bem.

2- Não vale a pena lutar por aquilo que você não acredita:
Somos os ser s mais cabeça dura do universo, quero dizer que quando a gente mete algo na cabeça a gente tenta perseguir essa ideia até o fim. E não precisamos disso, as vezes desistir é a melhor opção.

3- É necessário encontrar um equilíbrio:
O que você quer e o que você pode são coisas totalmente diferentes. Tenha equilíbrio ou poderá se dar mal com escolhas erradas.

4- O amor aparece quando você não está atrás dele:
Corri tanto disso e não adiantou nada hahahahah

5- Quem quer corre atrás:
Percebi que as coisas estavam ruins porque eu não fazia nada para mudar aquela realidade, depois que eu saí da minha zona de conforto as coisas começaram a dar certo de novo.

6- Desistir faz parte:
Eu sempre cresci com a ideia que quem desiste é fraco, ano passado eu entendi que é normal e as vezes de grande importância desistir daquilo que já não está dando certo.

7- Está tudo bem se você se você não está bem:
Conheço pessoas que tentar estar bem sempre, como se essa pessoa estivesse brindada, sabe? Você não precisa ser assim. Está tudo bem se você não estiver de bom humor!

8- É muito bom ficar sem o celular as vezes:
Viver o mundo offline pode ser uma das melhores coisas que você pode fazer. Já reparou que todo mundo está um pouco viciado? Parece que a gente nasceu com o celular na mão e não conseguimos viver sem ele. Tente passar um dia sem mexer nele, só para vocês verem como é esquisito e libertador!

9- Sim, você pode!
Não importa o que falam ou o que pensam. Você nunca vai ser boa o suficiente para essas pessoas. Elas idealizam coisas que as vezes não existem e criam em suas mentes uma ideia de perfeição totalmente errada. Você pode ser, fazer ou criar qualquer coisa que quiser é só você não desistir.

10- Acredite em você:
Se você não fizer isso, dificilmente você irá chegar em algum lugar. Acho, que acreditar em você mesmo é uma das coisas mais importante que você deve ter. Confiança e amor por sí mesmo.

Eu pratiquei tudo isso em 2017, acabei deixando muita coisa de lado, porém agora sei que foi necessário e com certeza esse ano farei o mesmo e tentarei ser o mais forte possível para conseguir fazer com que eu mais quero! E você? Quais são as lições que você aprendeu no ano passado? E o que vocês esperam de 2018?

Espero que vocês tenham gostado do post

28 • dez • 2017
textos category image
Postado por:

Jess Ribeiro

Jess Ribeiro

Preste atenção nas dicas que a vida dá

Andamos tão preocupados em reclamar das coisas ruins acontecem em nossas vidas, tão determinados e certos de culpar ao próximo pelas nossas dores que acabamos não vendo que tudo é resultado de nossas escolhas e que as melhores coisas de nossas vidas foram as lições que aprendemos com as coisas ruins que nos aconteceram.

Choramos por perder quem amamos, mas não paramos para pensar que talvez a partida tenha sido o melhor remédio para trazer a felicidade. Nem sempre pensamos no quanto somos egoístas e egocêntricos tentando fazer com que todos prestem atenção em nós, esquecendo que o mundo não é só eu ou você, mas sim todos, todos aqueles que você ama, gosta, admira, odeia e até os que ainda não conhece.

Mas um dia acordamos e percebemos que nossa vida é boa, e que existem muitos outros em situações piores, mas que não se lastimam ou maldizem, e sim, sorriem! Simplesmente sorriem, por estarem vivos não com tanta saúde, amigos ou felicidade, mas por simplesmente poderem olhar para o céu e ver um lindo sol.

Se você tropeçou hoje, não fique triste, talvez a vida apenas queira te ensinar a desviar do buraco para que você não caia quando passar pela calçada amanhã. Se disse algo errado hoje, talvez da próxima vez irá pensar melhor antes da raiva encher seu coração.

Nem sempre a vida é tão boa, mas ela nunca tira de você algo que não se possa recuperar ou superar. Então sorria, pois hoje o dia pode estar nublado, mas amanhã, ele estará limpo, o sol vai nascer de novo e sem nenhuma nuvem para te impedir de senti-lo em seu rosto. Sempre haverão oportunidades, desde que você aprenda a respirar e ir com calma…

Tags:
29 • nov • 2017
textos category image
Postado por:

Jess Ribeiro

Jess Ribeiro

Não precisa ter medo de desistir

Durante toda essa minha caminhada para me reencontrar decidi que era necessário desistir de algumas coisas. Aprendi que desistir não era um sinal de fraqueza e sim de cansaço.

Cansaço esse quem é consumia ao longo do dia e mal me deixava sair do sofá depois de um dia todo trabalhando, estudando e ouvindo reclamações.

Eu estava cansada. E meu Deus como eu já repeti isso para vocês. Talvez antes eu não tivesse percebido o quanto eu estava destruída e exausta.

Talvez a palavra novembro surja bem mais de uma vez aqui.
Nesse momento pegando os cacos que sobraram para reconstruir com fitas adesivas estou reencontrando os melhores pedaços para montar o que um dia eu fui. Aquela pessoa que mesmo depois de muita tempestade eu conseguia me recuperar. Eu sei, entender o que se passa na nossa cabeça em meio à tempestade e muito difícil porém antes isso não me desanimar.

O meu retorno aqui é nada mais do que um pedacinho dos cacos que eu estava querendo reconstruir e consegui encaixar em mim mesmo, ainda um pouco incompleto porém totalmente meu.

Em novembro eu me superei mais do que imaginava, consegui superar uns obstáculos, consegui reconstruir conceitos, consegui me entender melhor e tudo isso em menos de um mês!

Agora, que chegue Dezembro e que coisas maravilhosas chegue junto!

Tags:
06 • jul • 2017
textos category image
Postado por:

Jess Ribeiro

Jess Ribeiro

Entre a gente: Praticando o amor próprio!

Os posts entre a gente voltou com tudo. Agora vocês podem continuar me mandando email! E todos e aqueles que forem autorizados irão aparecer aqui.

Para quem não sabe o entre a gente é um papo de amigas. Vocês podem conversar comigo pelo e-mail (contato@descrevendonuvens.com) e mandar perguntas, desabafar ou dar dicas que eu vou  responder vocês ?

Esse post é para uma leitora que eu vou colocar como M. M te  17 anos e mora em São Paulo, e todos nós sabemos que durante é durante essa época da adolescência que tudo pode acontecer …

Quero que saiba que a vida nunca foi tão fácil! Sério, eu estava conversando com minha avó esses dias atrás e ela me contou a dificuldade que era antigamente sem tanta tecnologia, mas as algumas pessoas ainda insistem em reclamar em absolutamente tudo!

Acho que todos nós (sim todo mundo) estamos tão acostumados com rapidez da tecnologia, com a rapidez com que as informações chegam para gente que esquecemos que tudo que precisamos fazer tem que ser com calma.

Quem é que não conhece aquela pessoa que insiste em dizer que sua vida está uma porcaria?  O mais engraçado é que essas pessoas se multiplicam, eu conheço várias pessoas que reclamam sem ao menos tentar, sem ao menos colocar aquilo que querem em pratica.

Se não tentar do que adianta reclamar! 

É difícil realizar todos os desejos que temos, mas não é impossível! E não conseguir tudo que você quer de imediato não te faz uma perdedora ao contrário lhe torna uma pessoa mais forte por tentar até conseguir o que você não deve fazer é desistir. Quedas fazem parte da vida.

Se cair não se esqueça que deve se levantar, abrir um sorriso e recomeçar outra vez

Feche os olhos, respire fundo e fale para si mesmo: “Eu posso, eu quero e eu consigo” as palavrinhas mágicas que devem ser ditas todos os dias. Agora olhe-se no espelho e se sinta feliz por tudo aquilo que já tem e tente ficar mais feliz ainda porque você vai conseguir muito mais. Nunca duvide do seu poder eu tenho certeza que você vai conseguir.

O mundo em que vivemos nos pressiona, às vezes nos faz sentir mal, nos coloca para baixo e pode até nos humilhar mas ele não pode mudar o que somos de verdade e não pode nos obrigar a ser do padrão que eles querem. Você é linda do jeito que e é a felicidade está ao seu alcance.

Agora pare e olhe para você. Você é perfeita do jeito que é e não precisa mudar só porque eles querem. Seja feliz pelo o que você é e pelo que você já fez. “A felicidade não significa ausência de problemas, mas sim a habilidade de lidar com eles…

Por isso, não se esqueça que não importa o que você tem, não importa se você não tem o melhor smartphone, ou se está na moda não importa o que acham de você. O que importa é você se amar acima de tudo.
Saiba que as decepções, os medos e as frustrações ajudam a construir o caráter e ajudam à acrescentar na felicidade principalmente nessa época da adolescência. Entenda que isso é apenas uma fase você vai sair dela mais forte e feliz!

Querida M, eu já acredito em você agora basta você acreditar em si mesmo!

Quer conversar? Então envie um e-mail para: contato@descrevendonuvens.com será um prazer ser sua nova amiga.

Espero que vocês tenha gostado do post.

 

?Até mais unicórnios ?

05 • maio • 2017
textos category image
Postado por:

Jess Ribeiro

Jess Ribeiro

Depressão e os treze porquês

Achei que deveria falar sobre isso com vocês, apesar que vários blogs estão falando sobre depressão e também sobre a nova série da Netflix que não eu não assisti, mas eu já li o livro então não sei falar para vocês o que mudou ou se mudou alguma coisa. Só sei que eu queria muito falar com vocês sobre isso…

Se você está passando por um momentos difícil, queria dizer que esse post é voltado para você, e que você pode – e deve – lê-lo até o fim para saber como lidar com isso ou então como lidar com seus amigos e ajudá-los a te ajudar! Porque eu sei que nem sempre é fácil…

Sim, porque eles querem te ajudar, mas muitas vezes não sabem como… Deves saber que nem todos tem o dom de aconselhar nem todos saber lidar com alguém que passa por um momento difícil, por isso eu fiz esse post, pensando em ajudar as pessoas que querem ajudar quem precisa.

Não é besteira

Não importa o que algumas pessoas dizem! A depressão não é uma besteira ela não deve ser diminuída e muito menos deixada de lado. Algumas pessoas acham que é besteira o fato da pessoa estar mal muitas vezes não sabemos o que se passa na cabeça de outra pessoas. Algo que para nós parece besteira para outra pessoa pode ser a pior coisa do mundo. Tente entender que nem todo mundo pensa como você!

Talvez eu nunca saiba por que vocês fizeram o que fizeram. Mas eu posso fazê-los sentir como foi.

Hannah Baker

Não queremos admitir

Uma pessoa em depressão pode não querer falar sobre o que está acontecendo, ou até mesmo pode nem sequer entender o que está acontecendo, então não o force. Não os deixe sozinhos, mas não nos faça falar, quando quiser pode apostar que as palavras sairão sem ser pedidas. Fique do lado e de apoio as vezes as pessoas só precisam de silêncio…

Não somos de vidro

É claro que as pessoas em depressão devem ser olhadas com mais atenção, devem ser privadas de algumas situações que possam expô-las a gatilhos que façam com que se sintam pior, mas não são de vidro, você não precisa escondê-la do mundo e protegê-la de todo o mal. Deixe que a vida vá fluindo…

Pequenos passos, grandes conquistas

Calma, uma pessoa com depressão não vai querer aceitar o seu convite para uma super balada no fim de semana de uma forma tão fácil! Não é que ela não queira ir, e entendemos que você fez esse convite com as melhores intenções, mas não é tão fácil assim… Uma coisa de cada vez vai com calma com algo mais tranquilo. A casa e a cama são o porto seguro de quem está em depressão, não queira afastá-lo assim de uma vez!

Dê o ombro amigo

Deixe a pessoa chorar, não minimize o sofrimento de quem está em depressão, nada de falar que é preciso ver o lado bom da vida e todos esses conselhos prontos que ouvimos por aí. Diga que a vida tem picos, altos e baixos e que você estará lá em todos eles. Que a pessoa pode contar com você e que você irá respeitar esses momentos.

Fique atento!

Infelizmente sabemos que muitos casos de depressão terminam em suicídio. Você não precisa vigiar a pessoa 24 horas por dia, mas fique atento, normalmente essas pessoas são pequenos sinais e isso já é um alerta para procurar ajuda profissional é indispensável nessas horas!


Antes de vocês começarem uma discussão no post ou no meu e-mail  quero que vocês saibam que eu não sou nenhum tipo de profissional. Quem está com depressão ou apresenta algum sinal dessa doença deve procurar ajuda PROFISSIONAL! Se você conhece alguém que passa por isso não vire as costas, mas de sua mão para ajudar.

A serie e o livro falam sobre diversos outros assuntos como bullying, assedio… Caso vocês queiram outro post sobre isso me falem!

Espero que tenham gostado do post!

Um beijo, um queijo e até o próximo post!

Páginas     123

Último vídeo

Arquivo calendário

agosto 2018
DSTQQSS
« jul  
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031 

Pinterest

Descrevendo Nuvens - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2018 - Ilustração por Juliana Rabelo