Arquivo para medo - Descrevendo Nuvens
27 • mar • 2017
textos category image
Postado por:

Jess Ribeiro

Vai sem medo!

Não precisa me dizer mais nada!Eu acho que já sei o que aconteceu. Doeu demais? Não é?! Essas dores devem estar acabando cada vez mais com você e parece que nunca vai passar. Quantas vezes você chorou baixinho para que ninguém tivesse que perguntar o que estava acontecendo com você? Quantas vezes você já sofreu e teve o coração esmagado por falsas promessas? Nem precisa me contar que você já colecionou babacas e que se entregou mais de uma vez pro cara errado, eu sei de cor e salteado todas as vezes que você resolveu tentar mais uma vez e quebrou a cara, o corpo e o peito.

Eu sei como é! A gente acaba cansando de dar tiros no escuro e chega uma hora que desistimos de procurar pela pessoa certa. Eu sei que você assim como qualquer outra coleciona hematomas que a vida vai brotando em nós com cada final infeliz que o destino enfia no meio da gente. Mas, eu também sei que você não nasceu pra abaixar a cabeça e engolir essa ideia de que você nasceu pra morrer sozinha.

Ninguém nasce predestinado a solidão, você sabe disso, e eu te admiro por levantar a cada tombo sem deixar de sorrir, te admiro porque você é forte o suficiente pra saber que nenhuma fraqueza pode ser maior que a gente, te admiro porque você continua andando mesmo sabendo que vão ter pedras, buracos, armadilhas e que seu coração ainda vai ser quebrado muitas e muitas vezes. Eu te admiro por ser tão forte!

Ainda vai doer, e você ainda vai borrar o rímel com muito cara idiota. Mas, você não vai desistir, pois eu sei o quanto você é forte. Você pode até achar que o mundo vai acabar no dia seguinte, pode ligar bêbada no meio da madrugada e largar teu orgulho em uma dessas esquinas, mas vai continuar se reerguendo quando perceber que a sua cota estourou, vai partir pra outra sem se importar se a bagagem vai ficar mais pesada, porque quando não der mais pra andar, você sabe que pode jogar fora.

É essa maturidade pra entender que as vezes a gente precisa apanhar um pouco, mas que isso não significa que vamos apanhar pra sempre e nem que a tristeza vai durar toda sua vida e essa sua coragem de meter a cara em mais um romance depois de tantos fracassos vai fazer com que você acabe encontrando o seu amor, mesmo que demore um pouco.

Então vai sem medo! Se joga desse penhasco emocional sem se preocupar. No final, eu sei e você também sabe que não é isso que importa. Então se atira nessa linha de risco, briga contra o mundo, mas não desista de você, não abra mão do que você acredita, não jogue fora o seu final feliz. Vai sem medo, que o amor é para quem não tem medo de arriscar. Vai, que uma hora ele vem também.

Tags:
09 • jul • 2015
textos category image
Postado por:

Jess Ribeiro

Tenho medo de amar

Nunca foi tão difícil para mim admitir algo assim. Tenho medo até de falar alto, isso pode até ser uma deficiência minha, mas eu preciso desabafar: ”Eu tenho medo de amar”. Assustador não é? Vou tentar explicar:

Eu tenho medo de amar e sofrer como eu já sofri, de amar e não ser correspondida como se deve, tenho medo de amar a pessoa errada e mais medo ainda de amar sozinha como já aconteceu diversas vezes.

Eu sei que sentimentos são complicados entender eles é mais complicado ainda agora tente imaginar como o meu coração ficou depois de ser tão machucado. Depois de tanto sofrer amar para mim não é algo fácil, para mim amar virou uma escolha e depois de sofrer tanto eu escolhi não amar.

Não quero que você entenda mal, eu que é confuso e sei que você quer se arriscar não quero tirar esse seu direito mas quero já deixar avisado que você vai se decepcionar. Decepcionar comigo, com o amor e com você mesmo que não ouviu quando eu te avisei.

Juro o que eu menos quero é ser clichê e o que eu mais queria era não ter esse medo. Você sabe minha resposta, sabe o que eu penso porque está mais do que obvio meus pensamentos eu não quero e tenho medo de amar.

Sem Título-1

Acompanhe o descrevendo nuvens:
Facebook do blog ♥ tumblr ♥ Meu facebook ♥ We heart It ♥ Pinterest o♥ Instagram

Tags:
20 • abr • 2015
textos category image
Postado por:

Jess Ribeiro

fear and insecurity

Dizem que a insegurança é uma das
coisas mais normais que existem. 

Todo mundo é inseguro ainda mais se
algo te incomoda. Eu por exemplo sou insegura com diversas coisas devo
confessar que isso me incomoda muito. 
Sou insegura quando falo, quando estou
entre pessoas novas, quando quero falar coisas de mim mesmo etc. 
A insegurança não pode nós prejudicar
ao ponto de não conseguirmos ser quem realmente nós somos, não deve impedir de
viver como deveríamos e de forma alguma deve atrapalhar nossa felicidade.
Quantas vezes você não fez ou agiu de
alguma forma por insegurança? Suas metas e sonhos depende de você mesmo de se
libertar de suas inseguranças. 
Como eu queria, eu deveria, eu não
fiz, eu não vou conseguir! São palavras que nos assombram e vários momentos da
nossa vida são palavras que pode nos deixar presos por diversos anos. 
Sabe, eu costumo me fazer de forte e
segura assim talvez um dia toda essa farsa de mim mesmo se torne verdade é
minha insegurança vá embora. 
A questão é não tenha medo, a vida é
curta demais para medos e insegurança. Esse post é apenas um conjunto de
pensamentos.
Boa semana meninas!  

Último vídeo

Arquivo calendário

agosto 2017
DSTQQSS
« jul  
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031 

Pinterest

  • 15 modelos de quarto
  • Serendipity - Melina
  • Almofada de pelúcia
  • Dicas para conseguir
  • Interior Designed: B
  • 20-salas-com-sofa-ro
  • Decoração na cor Azu
  • #penteadeira #ideia
  • 1-penteadeiras-que-e
Follow Me on Pinterest

Descrevendo Nuvens - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2017 - Ilustração por Juliana Rabelo